Samar Fadel Azanki Abreu - Doctoralia.com.br

Tratamento do zumbido com uso de Aparelhos Auditivos

Zumbido-Auditivo-causas-e-tratamento

A maioria dos casos de zumbido estão relacionados à perda auditiva, e por isso o uso de aparelhos auditivos normalmente contribui para minimizar os incômodos deste sintoma que pode lembrar o barulho de cigarra, cachoeira, panela de pressão ou apito.

Como o zumbido acontece?

Antes de falar sobre os aparelhos auditivos para zumbido, é importante tentar entender como o tinido ou acúfeno ocorre. Quando o ouvido passa a enviar impulsos sem que haja uma fonte sonora que os envie, a pessoa passa a ter a sensação desse barulho incômodo. Por ser constante, esse barulho pode afetar o sono, a concentração e o equilíbrio emocional.

Quais as causas do zumbido?

Especialistas já sabem que ele pode estar relacionado a 200 tipos de causas. Entre elas as mais comuns são:

• Problemas auditivos

• Alterações no metabolismo

• Problemas hormonais como hipotireoidismo

• Alterações cardiovasculares

• Doenças neurológicas e psiquiátricas

• Problemas de mastigação e na mandíbula

• Alterações nos músculos da cabeça e pescoço

• Problemas de circulação

Como é feito o diagnóstico do zumbido?

O primeiro passo para o tratamento do zumbido é a realização de exames auditivos e de sangue para análise das particularidades do paciente. São realizados exames como a audiometria e a acufenometria, que identificam o grau de perda de audição, o tipo e o volume do zumbido. Exames de sangue que demonstram se há anemia, aumento de glicose, colesterol ou triglicérides. Ainda é possível identificar com tomografia ou ressonância magnética eventuais tumores no nervo auditivo.

Zumbido e perda auditiva

No caso do zumbido relacionado com a perda auditiva, alguns aparelhos auditivos, possuem recursos importantes que ajudam a aliviar o acúfeno. É a chamada terapia sonora individualizada. Com essa tecnologia especial, o paciente pode escolher vários sons pré-definidos e sons de natureza para aliviar os incômodos deste problema.

A terapia sonora com os geradores de som dos aparelhos auditivos  reduz a percepção do zumbido por meio de sinais sonoros tratados individualmente que levam a atenção para longe do zumbido e reduzem seu impacto. Como resultado, você pode relaxar e se concentrar no que deseja escutar.

Gerador de som com sons estáticos: sons suaves e calmos para aliviar o incômodo com o zumbido. Os sinais sonoros estáticos usam uma forma de som que se mistura com os sons do zumbido e te distraem dele. Além disso, eles podem ser customizados para atender as suas necessidades.

Gerador de som com sons modulados “Ocean waves”: o que pode ser mais relaxante do que o som das ondas do mar? Os sons modulados reproduzem o barulho das ondas para proporcionar uma experiência auditiva positiva, suave e relaxante.

Já a inovadora e exclusiva Terapia Notch dos aparelhos auditivos, é cientificamente comprovada por reduzir o incômodo com o zumbido tonal (apito) e pode, em alguns casos, até mesmo fazê-lo desaparecer completamente. Está é uma terapia desenvolvida a partir de muita pesquisa e é uma método clinicamente comprovado que se mostrou especialmente eficiente para quem possui um zumbido tonal – o tipo mais comum de zumbido. Ao contrário dos geradores de som, a Terapia Notch trata o zumbido discretamente e de maneira inaudível. Tudo o que você precisa fazer é utilizar normalmente seus aparelhos auditivos  e o incômodo com o zumbido será reduzido.

Vale ressaltar que para os pacientes com zumbido e sem a perda auditiva, existe ainda a possibilidade de adaptação de aparelhos auditivos sem a amplificação sonora e somente com os geradores de som, além de outros equipamentos com programação específica para o tratamento.

Quer saber mais? Entre em contato com nossa Fonoaudióloga.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp